Mesmo que só a cor de fora apareça, você e eu sabemos que há toda uma lindeza debaixo do prato.
Leia em 4 min

Às vezes tenho a sensação de que tem apenas uma receita de sousplat girando por aí. Todas parecem pequenas variações da mesma. Não levem a mal, eu AMO sousplats e acho os de crochê lindos, mas sempre achei que essa área, em termos de receitas, estava sendo pouco explorada. Convenhamos: é crochê circular né? Dá pra fazer absurdos com ele. Então vamos começar a tentar alguns diferentinhos?

Em tempo: eu sei que a maior parte do sousplat fica debaixo do prato na maior parte do tempo (razão pelo qual a maioria opta por agilizar o processo com pontos mais  simples). Mas se você parar pra pensar, a calcinha também fica escondida a maior parte do tempo, e nem por isso a gente só compra calcinha feia, né? Hahahaha.

O Desafio Descolado desse mês de Outubro, ou Hooktober, para os íntimos, estava indo pelas vertentes das receitinhas menores. Se vocês preferem que eu volte pras coisas pequenas, avisa lá no grupo, ok? Ok.

Vamos ao que interessa? #yesplease

Sousplat Descolado – Receita

Agulha: 4 mm (usei a Tulip, mas acho que não vou mais usar. Tá fazendo CREC Oo)
Linha: Barroco 6 | Círculo (pra ficar do tamanho que está aqui. Nada te impede de explorar outras linhas!)
Tamanho (aprox): 35cm na parte mais fina, 38 cm nos biquinhos
Tipo de crochê: circular
Nível: médio

Pontos usados:
corr: ponto corrente
pb: ponto baixo
pbx: ponto baixíssimo
pa: ponto alto
1 aumento2 pa no mesmo ponto

Na última carreira, você precisará fazer o picô. É simples, e é feito assim:
PICÔ: 3 corr. + pbx. unindo a terceira e a primeira corrente.

  • DICAS DO AMÔ: arremate com carinho e agulha de tapeçaria cada cor antes de começar a outra.
  • Pra não repetir a mesma coisa, eu indico uma instrução entre colchetes, com o número de vezes que ela deve ser repetida. Ex: se eu disser [3pa, 2corr] ao redor – é pra fazer a volta toda o que está dentro do colchete. Ok? Ok.

LINHA PRETA:

Carreira 1: 12 PA no anel mágico. (12)
Carreira 2: 12 aumentos (24)
Carreira 3: [1 aumento, 1 PA] – ao redor (36) 
Carreira 4: [1 aumento, 2 PB, 1 aumento, 3 corr] ao redor.
No final, prenda a última sequência de correntinhas no topo dos primeiro aumento. Arremate e esconda a linha. (Aqui você deve ter um total de 9 sequências de correntinhas entre aumentos, que é onde vamos trabalhar a próxima carreira)

LINHA CINZA

Carreira 1: [3 PB nas corr. da carreira anterior, 5 corr]
Carreira 2: [3 PA (nos 3 PB da carreira anterior), 5 PA (nas correntinhas)] ao redor. (72)
Carreira 3: 1 PA em cada ponto ao redor – EXCETO no terceiro ponto da sequência de 5 que foram feitos em cima da corrente. Nesses, você vai fazer um aumento, totalizando 9 aumentos ao redor. (81) 
Carreira 4: [1 aumento, 8 PA] ao redor. (90)
Carreira 5: [1 aumento, 5 PB, 1 aumento, 3 corr] ao redor.
No final, prenda a última sequência de correntinhas no topo do primeiro aumento. Arremate e esconda a linha. (Aqui você deve ter um total de 13 correntinhas entre aumentos, que é onde vamos trabalhar a próxima carreira)

LINHA AMARELA

Carreira 1: [3 PB nas corr. da carreira anterior, 8 corr.]
Carreira 2: [3 PA (nos 3PB da carreira anterior), 7 PA (nas correntinhas)] ao redor. (130)
Carreira 3: 1 PA em cada ponto ao redor. Yes, sem aumentos dessa vez. (130)
Carreira 4: [1 aumento, 12 PA] ao redor. (140)
Carreira 5: [1 aumento, PICÔ, 1 aumento, 8 PB] ao redor. Arremate e esconda a linha. (14 picôs)

Versão redonda:
Carreira 5: [1 aumento, 13 PA] ao redor. Arremate e esconda a linha. (150)

Considerações finais:
1. Eu vi algo assim (penso que era um tapete, ou uma toalha, sei lá) e fiquei obcecada com a ideia de fazer um sousplat parecido. O problema é que não tenho ideia de onde vi e não salvei a referência, de modo que levei DIAS e NOITES fazendo os cálculos mais absurdos pra chegar até aqui. Gostaria de agradecer primeiramente fora temer a Deus, aos meus pais e a você, Xuxa. Tô emocionada que terminei.
2. Não obstante ter morrido pra fazer, claro que eu tinha que fazer duas versões. Tô numa vibe de “descolamento do crochê de cozinha”, mais alguém? Quando eu fizer um pano de prato descolado, aí sim, quero prêmio. Que troço que nasceu pra ser feio. Diferentemente do nosso Sousplat, que tá lindo! <3
3. Devido à fofolentice do Barroco, talvez valha a pena pensar em blocar, ou dar um banho de amido ou termolina nele pra ficar mais rígido. Não que eu tenha coragem, tô só sugerindo.

Versão redondinha do Sousplat Descolado, com o fundo “é o que tem pra hoje”