Essa lindeza é uma das receitas que a Debora Alvez trouxe para o nosso desafio deste mês de março
Leia em 3 min

As microbags e as minibags fazem parte de uma fortíssima tendência do mundo da moda, trazida pela querida Debora Alves. Como não poderia deixar de ser, transformamos essa informação valiosa em um desafio divertidíssimo, com pouquíssimas regras e muitas receitas deliciosas de se fazer!

Lady Gaga no pre-met Gala, usando uma nano bag (são muitos nomes, eu sei, mas a gente acostuma) by
Marc Jacobs and Philip Treacy.

Bolsas, por si só, já são uma paixão, cujo simbolismo reflete nossa feminilidade, e nossa relação com a gente mesma. Já como peça feita à mão, é uma das campeãs no quesito “adoro-exibir-meu-trabalho” – se você não acredita, experimenta ir a um encontro de crocheteiras e observar o seu entorno. É lindo de se ver! Seja por que as oscilações de temperatura não limitam seu uso, seja porque o ato de confeccioná-la é extremamente prazeroso (e muitas vezes, mais rápido que outros projetos), o fato é que esse desafio tem tudo pra fazer a gente perder a cabeça, crochetando como se não houvesse amanha!

Estas bolsas apontam o crochê como super tendência pro verão que vem! Posso ouvir um amém? Fonte

Como a tendência das micro tá só começando, prevemos que ela vai aparecer cada vez mais nas passarelas e vitrines. Portanto, antes de mais nada: se você é como eu e adora ser a primeirona a ter algo que todo mundo vai ter, cola nessas receitas fantásticas que a Debora trouxe pra gente este mês.

Receita Bolsa Catarina

A Bolsa Catarina junta duas tendências em uma: as microbags, e as correntes. fonte

Feita originalmente em fio náutico, essa bolsa foi nomeada em homenagem à russa Catarina, a Grande. Debora tem como tradição homenagear grandes mulheres da história, através do nome de cada bolsa. A receita é fácil de acompanhar e fica pronta em um piscar de olhos. Nesse vídeo tem uma dica simples e ótima sobre como queimar a ponta do fio sem deixar preto.

Receita em vídeo, em português: Bolsa Catarina

Receita bolsa Esmeralda (em crochê tunisiano)

A Bolsa Esmeralda traz a técnica do crochê tunisiano

Além de aprender a técnica do crochê tunisiano, você ainda sai do aprendizado com uma peça pronta para exibir. O nome da bolsa foi inspirado na personagem homônima do livro de Victor Hugo, o Corcunda de Notre Dame. Nesse vídeo tem uma dica pra escolher o número certo de agulha para o crochê tunisiano.

Receita em vídeo, em português: Bolsa Esmeralda

Receita Bolsa Emma


A linda e delicada bolsa Emma traz uma misturinha de pontos que faz com que ela pareça mais complexa do que de fato, é. Perfeita para um presente lindo de última hora (pronta entrega salva os esquecidos), ela teve recebeu esse nome em homenagem à personagem do livro Madame Bovary, de Flaubert.

Receita em vídeo, em português: Bolsa Emma

Um agradecimento super especial à Debora que, além de nos apaixonar pela tendência também produziu vários vídeos para nos ensinar a crochetar! Aliás, você sabia que ela já está nesse mercado há mais de dez anos, quando começou um site chamado “Modernizando o Crochê”?

De, muito obrigada pela disponibilidade para ensinar, pelo carinho com a gente, e por fazer um dos desafios mais divertidos que a gente já viu!

Se você ainda não segue a Debora, corre lá pro instagram dela. Tá cheio de receitas maravilhosas, dicas pra vida toda, e conteúdo de primeira qualidade. Se inscreve no canal dela, curte a página e compartilhe sempre o link para as receitas, pra que ela continue sempre criando essas lindezas e compartilhando com a gente!

Beijas, e bom crochê! :*

1 COMENTÁRIO

  1. Ah, que linda! Me emocionei aqui! Obrigada, Bru! Você é muito especial para mim! Obrigada por ter criado os desafios, por ter movimentado esse mercado, por ter reunido as pessoas num ambiente de muita troca e amor!

Deixe uma resposta