Fio conduzido + anel mágico = patinha de bicho!
Leia em 3 min

Patinha é aquela coisa irresistível pra quem gosta de bichos (e até pra quem não gosta, vai, elas são fofas!). E eu quis fazer diferente, em uma outra receita que eu criei, e usar fio conduzido (volta aqui! Não foge, não!) pra fazer uma patinha que ficasse embutida já no bichinho. Sim, esse é o tanto que eu detesto costuras. Hahaha.

Mas como o bichinho ficou de um jeito que não agrada o meu gosto estético (a criança gostou, então tá tudo bem) e, por isso, ele não vai aparecer por aqui. Mas a patinha sim! Só que em forma de aplique de crochê.

E aqui vamos fazer uma coisa completamente diferente, sem marcadores de ponto: em vez de trabalharmos por carreiras, vamos trabalhar em uma espiral contínua, sem parar. Teremos carreiras mas, repito, não use marcador de ponto, porque a gente vai invadir alguns pontos da carreira seguinte, e você pode ficar confusa.

Quero testar com vocês, no meu último dia dessa semana de Hooktober, um jeito diferente de escrever receitas (que é o jeito que eu uso para anotá-las quando eu crio). Vou escrever da maneira convencional, mas vou colocar como imagem uma “versão reduzida” no final da receita, onde T são pontos baixos normais, e V são os aumentos.

(Se der ruim, avisa que eu escrevo só da forma convencional. Hahaha)

Vamos então treinar o cérebro pra fazer uma coisa diferente? SIIIIM! Já vou dar duas opções de tamanho aqui no post, tá? (porque tempo pra fazer eu tinha, só não tinha internet pra postar. HAHAHA.

Patinhas em fio conduzido – Receita

Agulha: 2.25 mm (qualquer coisa entre 2 e 2.5 há de servir)
Linha: Charme | Círculo (restos de outros projetos, que eu tinha em casa. Essa linha rende que é um absurdo!)
Tamanho (aprox): 3.5 cm (posso ter perdido elas em algum lugar e vou ter que fazer mais pra medir certinho depois? Posso).
~~~~~~~~ OU ~~~~~~~~
Agulha: 4 mm
Linha: Barroco 6 | Círculo
Tamanho (aprox): 6 cm de diâmetro (5 cm se fizer com Barroco 4)
Tipo de crochê: espiral contínua
Nível: Médio (é rápido de fazer, mas conduzir fio pode dar uns calafrios em umas espinhas por aí)

Pontos usados:
anel mágico
pb: ponto baixo (T)
aum:
aumento (2 pb no mesmo ponto) (V) 

  • DICAS DO AMÔ: Pra fazer brincos, você vai precisar com certeza de duas patinhas. Mas, pra esconder a parte de trás, você tem duas opções: fazer MAIS duas patinhas (e costurar de duas em duas, com as costas voltadas uma para a outra) ou recortar um pedaço de tecido que não desfie (ou feltro) pra colar na parte de trás.
  • Dá pra usar em amigurumi também! E como chaveiro, e como aplique em jaleco de veterinária, enfim. Um monte de possibilidades que eu tenho certeza, vocês vão expandir ao infinito e além! (Acabei de pensar em fazer com fio duplo e usar como porta copos!)

Carreira 1: (BEGE) 6 pb no anel mágico.
Carreira 2: (BEGE) 4 aum, (PRETO) 1 aum, (BEGE) 1 aum
Carreira 3: (BEGE) 1 aum, (PRETO) meio aum, (BEGE) meio aum, (PRETO) 1 pb, (BEGE) meio aum, (PRETO) meio aum, (BEGE) 1 pb, 1 aum, 1 pb, 1 aum, (PRETO) 1 pb, 1 aum (BEGE) 1 pb, 1 aum, 1 pb.
Carreira 4: (BEGE) 1 aum (PRETO) 1 pb (BEGE) 1pb (PRETO) 1 aum (BEGE) 1 pb (PRETO) 1 pb (BEGE) 1 pb, 1 aum, 2 pb, 1 aum, 1 pb (PRETO) 1 pb, 1 aum, 1 pb (BEGE) 1 pb, 1 aum, 2 pb.
Carreira 5: (BEGE) [1 aum, 3 pb] seis vezes ao redor.
Corte os fios e faça o arremate invisível.

Versão escrita (diferente, eu acho mais fácil ler assim):

Ou eu fazia rápido, ou eu fazia bonito. Adivinhem qual dos dois eu escolhi? Hahaha

 

 

Deixe uma resposta